sexta-feira, 31 de agosto de 2012

NA SEMANA DE COMBATE AO FUMO...

Parar de fumar: veja benefícios imediatos e a longo prazo

 

Efeitos começam a aparecer duas horas após largar o cigarro

Por Renata Demôro

O cigarro prejudica a saúde, a beleza e ainda diminui a qualidade de vida. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), quando comparado a alguém que não fuma, o fumante tem risco dez vezes maior de desenvolver câncer de pulmão e cinco vezes mais chances de sofrer um infarto. Em mulheres, a combinação com a pílula anticoncepcional eleva em dez vezes o risco de derrame e infarto. A boa notícia é que se você parar de fumar agora, poderá perceber benefícios imediatos e outros a longo prazo.
Decidido a parar de fumar? De acordo com a pneumologista Christina Pinho, do Hospital São Vicente de Paulo, o cuidado com os chamados gatilhos pode evitar recaídas: “Quem acabou de largar o cigarro deve se afastar de hábitos associados ao fumo, como o cafezinho no meio da tarde, o consumo de álcool e situações estressantes”. No Dia Nacional de Combate ao Fumo, confira o que você ganha assim que decide parar de fumar, segundo informações do Inca: 
Em 20 minutos
A pressão sanguínea e a pulsação voltam ao normal.
Em duas horas

Não há mais nicotina circulando no seu sangue.
Em 8 horas
O nível de oxigênio no sangue é normalizado.
Entre 12 e 24 horas
Seus pulmões já funcionam melhor.
Em dois dias
Seu olfato consegue perceber melhor os cheiros e o paladar já sente o sabor da comida.
Em três semanas
A respiração se torna mais fácil e a circulação melhora. Pele e cabelos começam a ganhar brilho.
Em um ano
O risco de morte por infarto cai 50%.
Cinco a dez anos depois de largar o cigarro
O risco de sofrer um infarto é igual ao de pessoas que nunca fumaram.
FONTE:http:// www.gnt.globo.com
 

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

DIA DA PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM CRIANÇAS


PARA ALIVIAR O ESTRESSE...

Sete maneiras de meditar em situações no dia a dia

Durante o banho, no trânsito e até lavando a louça são bons momento para meditar


Para sentir as vantagens dessa técnica ancestral, o segredo é incorporar a meditação ao dia-a-dia, mantendo a paz e equilíbrio nos momentos de tormenta. "Meditar é tornar consciência do agora e prestar atenção em gestos banais e automáticos. Quando estamos mais atentos aumentamos a qualidade das tarefas que realizamos", ensina Maria Correia, professora da Associação Palas Athena. Ações singelas também são exercícios de meditação.  Nada mais do que alguns minutos por dia de percepção às sensações.


Beber água - Foto Getty Images


Beber água
Ao beber um simples copo d'água, sinta a temperatura e a textura do copo, concentre-se no líquido escorrendo pela garganta. Ao sentira água fazendo todo trajeto pelo organismo, você se concentrará mais em si mesmo, prestando atenção nas suas próprias necessidades.
Banho - Foto Getty Images
Banho
"Durante o banho, sinta as gotas sobre a pele, o cheiro do xampu e o toque da toalha que envolve o corpo", diz Maria. Estimular o tato ajuda na sensibilidade e nos faz perceber um mundo que até então não notávamos.
Carro - Foto Getty Images
Dentro do carro
No trânsito, observe sua respiração. Isso vai ajudar a enfrentar os congestionamentos e trará um grande bem-estar físico e emocional. Respire fundo e concentre-se na inspiração e expiração, até se acalmar.
alongando - Foto Getty Images
No trabalho
"Quando for se sentar, no trabalho ou à mesa, preste atenção na postura, na posição de suas pernas e na sensação na coluna", diz Maria Correa. Todos esses fatores influenciam no bem-estar. Caso vá passar muitas horas sentado, alongue-se de tempos em tempos.
lavar a louça - Foto Getty Images
Aproveite o momento de lavar a louça para meditar. Observe o peso, formato, a textura e as cores dos objetos. "Unindo consciência e percepção nós despertamos a atenção e prontidão que é o estado meditativo", explica Maria.
incenso - Foto Getty Images
Acenda um incensoSe gostar de incenso, escolha um aroma suave e deixe que o odor se espalhe. Por meio do olfato, que tem ligação direta com o sistema nervoso central, o incenso estimula sensações e aguça certas emoções.
O importante é não desfocar a atenção. Imagine o aroma entrando pelo nariz e concentre-se no caminho que ele faz até chegar aos pulmões. Inspire e depois expire profundamente, percebendo a diferença de temperatura do ar que entra e sai pelas narinas.
meditar - Foto Getty Images
Acorde livre do estresse Você é do tipo que acorda já pensando em todas as situações desgastantes que terá de enfrentar no decorrer do dia, ficando estressado logo pela manhã? Pois saiba que o melhor remédio para isso é, além de bons pensamentos, uma respiração correta. Veja aqui o passo a passo de um exercício de respiração que pode ser feito logo ao acordar:

1. Inspire lentamente pelas narinas, contando até três.
2. Prenda a respiração, também contando até três.
3. Expire lentamente pela boca, contando até seis.
4. Ao inspirar faça com que o ar passe pelo diafragma e encha o abdôme.
5. Mantenha por três segundos inflado dessa maneira.
6. Ao eliminar o ar, faça com que o abdômen vá se encolhendo cada vez mais, até que fique totalmente esvaziado. Repita essa forma de respirar por cinco ou seis vezes seguidas. Ela produzirá uma redução na ansiedade.
 
 
 
 
FONTE:http:// www.minhavida.com.br
 

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

A IMPORTÂNCIA DA ÁGUA EM NOSSO ORGANISMO

12 motivos para consumir mais água durante o dia

Entenda como esse líquido é um santo remédio para o corpo

Quem consome água de forma regular durante o dia ajuda o corpo a funcionar melhor, previne problemas de saúde e até fica mais bonito. "A água tem um papel regulador de muitas funções de nosso organismo. a quantidade de água que consumimos tem um papel fundamental desde o controle da temperatura até o bom funcionamento do sistema circulatório", explica o fisiologista Raul Santo de Oliveira, da Unifesp.

Para saber a quantidade certa de
água para consumir, basta multiplicar o seu peso corporal por 0,03. Assim, uma pessoa com 70 quilos, por exemplo, deve tomar aproximadamente 2,1 litros de líquido por dia. "É importante lembrar que esse cálculo é feito de maneira geral, mas a necessidade de água varia de pessoa para pessoa. Uma atleta de alto rendimento, por exemplo, pode perder um litro de água por hora, e por isso precisa de uma maior ingestão", diz o fisiologista. A seguir, conheça 12 motivos para deixar sempre um copo de água por perto.



Pressão do sangue- Foto Getty Images



1.Controlar a pressão sanguínea: Um estudo feito pela Vanderbilt University Medical Center, nos Estados Unidos, mostrou que a água sem nenhum aditivo pode ter um papel importante para regular a pressão sanguínea. "A água tem grande influencia no controle da pressão, já que a sua presença determina a densidade do sangue. É por isso que em alguns aparelhos medidores, a pressão é medida em porcentagem de água no sangue", explica Raul Santo.
Cãibra- Foto Getty Images
2.Previne cãibras:As cãibras aparecem quando há um desequilíbrio hidroelétrico em nossos músculos, causando uma contração involuntária da musculatura. "Elas acontecem por que existe um desequilíbrio na quantidade de água de nossos músculos. Beber água regularmente ajuda manter o equilíbrio hidroelétrico e o bom funcionamento das células musculares", diz o fisiologista.
Dor no peito- Foto Getty Images
3.Protege o coração: Um estudo feito pela Loma Linda University, nos Estados Unidos, mostrou que pessoas que bebem mais de cinco copos, o que equivale em média a dois litros, de água diariamente, têm menos chances de sofrer ataques cardíacos ou outras doenças do coração do que aqueles que bebem menos do que isso. "Com o sangue mais diluído, ele flui com mais facilidade pelos vasos sanguíneos, diminuindo as chances de infartos e derrames", explica o fisiologista.
Digestão- Foto Getty Images
4.Melhora o funcionamento do intestino: Quando o intestino não está funcionando muito bem, uma boa dica é comer mais fibras e ingerir mais água também. Aliás, ingerir muitas fibras e pouca água provoca o efeito reverso: intestino preso. Isso mesmo, a água auxilia na lubrificação das paredes intestinais e na movimentação do bolo fecal, evitando constipação e a formação de gases.
Beber água - Foto: Getty Images
5.Aumenta a resistência física: Durante exercícios físicos, a perda de água pelo suor faz com que nosso desempenho piore. Esse processo pode ser observado também longe do treino. De acordo com o especialista, algumas profissões exigem um esforço muito grande do corpo, e consequentemente, há uma perda maior de água pela transpiração. "Um carteiro ou um entregador, por exemplo, se não tomarem cuidado com a hidratação, não conseguirão fazer um bom trabalho, já que realizam um esforço físico muito grande durante o dia". Além da hidratação, a água ajuda a controlar a temperatura do corpo, e assim melhora o rendimento em alguns esportes.
água- Foto Getty Images
6.Limpa o organismo: De acordo com a nutricionista Márcia Curzio, o consumo de água é vital para o bom funcionamento do organismo, já que quando não nos hidratamos corretamente, substâncias tóxicas e prejudiciais ficam retidas no organismo, abrindo o caminho para o aparecimento de algumas doenças. "A cada 500 gramas de gordura que o organismo metaboliza, são produzidos e despejados no organismo cerca de 550 gramas de um mix de água e resíduos que tende a se acumular cada vez mais. Para que sejam eliminados, só há um meio: botar mais água para circular no corpo, o que proporciona uma espécie de faxina interna, garantindo o equilíbrio hídrico do organismo", explica Márcia Curzio.
Pedra nos rins - Foto Getty Images
7.Protege contra pedra nos rins: Beber muita água é a principal maneira de se proteger da formação de um cálculo no rim. Quanto mais água bebermos, mais o nosso sangue circulará e ficará diluído, facilitando o trabalho dos rins na hora de excretar nutrientes que não são mais necessários em nosso organismo. "A ingestão continua de água faz com que nossos rins trabalhem constantemente devido ao maior volume de sangue. E isso acontece sem sobrecarregar os rins, mantendo sua função de "limpar" o sangue eficiente", diz o urologista Roberto Maluf, do Hospital Santa Cruz.
Salada - Foto Getty Images
8.Transporte de nutrientes: A água também é fundamental para que ocorra um bom transporte de nutrientes em nosso organismo. Segundo o fisiologista Raul Sano, sem ela, o sangue fica mais denso e, consequentemente, menos capaz de transportar nutrientes como vitaminas e minerais para nossas células. "A parte líquida do sangue, chamada de plasma, deve corresponder a 55% do sangue. Se essa proporção diminui pela falta de água, as células não recebem todos os nutrientes que deveriam".
Perder Peso- Foto Getty Images
9.Ajuda a emagrecer: Por aumentar a atividade no sistema nervoso, e assim elevar o nível de energia gasto, o hábito de beber água constantemente também promove a perda de peso. De acordo com cientistas do Vanderbilt University Medical Center, uma pessoa que beba três copos de água por dia pode perder três quilos em um ano, sem mudar em mais nada sua rotina. Isso não resolve o problema de excesso de peso, mas ajuda quem quer emagrecer a entender como o sistema nervoso funciona. De acordo com a endocrinologista Alessandra Rascovski, se ingerirmos bastante líquido durante o dia, conseguiremos manter o estômago relativamente preenchido. Isso significa maior saciedade e, por sua vez, menor comida ingerida.
Olhos- Foto Getty Images
10.Protege os olhos: Manter o organismo hidratado é essencial para que os olhos fiquem protegidos de lesões. "Os olhos são órgãos muitos sensíveis a desidratação. Por isso, manter o organismo com níveis de água elevados, protege os olhos de ressecamento que podem levar a problemas oculares como inflamações e infecções", diz Raul Santo.
Vitaminas - Foto Getty Images
11.Absorção de vitaminas: as vitaminas C e do complexo B são hidrossolúveis, ou seja, só são absorvidas pelo organismo com a presença de água. "Ao contrário das vitaminas lipossolúveis, que ficam armazenadas no tecido adiposo, as vitaminas hidrossolúveis precisam ser consumidas regularmente, assim como a água, já que são eliminadas pela urina", diz Raul Santo.
Pele- Foto Getty images
12. Manter a pele jovem: Um dos primeiros sinais da falta de água (desidratação) se dá na pele e nas mucosas. "Entre as células, temos um líquido intersticial que ajuda na sustentação da pele, entre outras funções. A falta de ingestão de água deixa a pele flácida e sem viço", explica a dermatologista Daniela Taniguchi. A pele perde o turgor, demorando para voltar ao seu estado natural, quando sofre uma distorção. Por exemplo, quando beliscamos a pele, ela logo deve voltar ao seu estado normal ao soltarmos. Se isso demora para acontecer, é sinal de que está desidratada e flácida. Além de deixar a pele hidratada e firme, beber água também favorece a excreção de toxinas, substâncias que prejudicam a pele.
 
 
 
 
FONTE:http:// www.minhavida.com.br
 

DIGA NÃO AO FUMO!


SALÃO INTERNACIONAL DO AUTOMÓVEL DE SÃO PAULO 2012


ROCKY SPIRIT - FILMES OUTDOOR


SURFISTAS DE CRISTO - DEUS É FIEL GALERA !


segunda-feira, 27 de agosto de 2012

O PODER DA FÉ E A SAÚDE: SAIBA O QUE DIZ A CIÊNCIA.


O poder da fé


A ciência comprova que a espiritualidade pode reduzir o risco de doenças cardiovasculares e diabetes. Atenua também os sintomas de enfermidades como AIDS e câncer, além de melhorar a qualidade de vida e diminuir a violência.
Aos 25 anos, a relações-públicas Bruna Paranhos foi surpreendida em seus exames de rotina com um diagnóstico revelador: estava com um nódulo no seio. Ao consultar um mastologista do Hospital A. C. Camargo (SP), descobriu que precisava realizar uma biópsia e verificar a gravidade do problema. O resultado sairia somente em duas semanas. “Foi uma época sofrida, mas me entreguei à fé. Pedia a Deus todos os dias pela minha cura, comecei uma corrente de orações, e nunca tive dúvida de que a minha fé me curaria”, diz. Otimista, retornou ao hospital e viu a surpresa do oncologista ao constatar que o nódulo não era grave. “O especialista imaginou que eu estava com um carcinoma (tumor maligno), mas, no fim das contas, ele era benigno e nem foi preciso retirá-lo”, conta.

Essas e outras histórias são muito comuns na rotina de hospitais de todo o mundo. Porém estão longe de ser crendice popular ou misticismo. A ciência comprovou que a fé pode até curar. Nesse contexto é importante destacar que a espiritualidade e a religião são fatores diferentes. Para Niura Padula, neuropediatra e pesquisadora da Universidade Paulista de São Paulo (Unesp), a religião é uma somatória de dogmas e ritos preconizados por um determinado grupo. “Já a fé é a conexão com algo mais profundo, não precisa necessariamente estar ligada a nenhuma religião, mas sim com o exercício de ética, da moral, da caridade e solidariedade”, explica.

Espiritualidade e cura

O pesquisador e médico Francisco Habermann (Unesp-Botucatu), também afirma que o conceito de espiritualidade está ligado ao conhecimento da alma humana. “A espiritualidade independe de qualquer formalidade e ultrapassa o de religião”, complementa.

A ligação entre espiritualidade e saúde é conhecida desde o início das culturas mais antigas. Mas, desde que a ciência começou provar as origens das doenças “físicas”, foi feita a divisão: religião cuida do espírito e ciência, do corpo. “Agora se sabe que além do corpo também temos o lado espiritual, e podemos unir ambos e chegarmos à espiritualização da medicina. Assim podemos fazer melhores diagnósticos e aprimorar os processos de cura”, diz o especialista Niura.
A Organização Mundial da Saúde (OMS) reconhece a espiritualidade como um fator que não deve ser desprezado, porque pode gerar equilíbrio e declara que, quando ela é bem empregada, o resultado observado é um reflexo positivo na saúde psíquica, social e biológica, tal como o bem-estar do indivíduo.


"A OMS reconhece a espiritualidade como um fator que gera equilíbrio"


 Cultivando a espiritualidade

Que crer é importante é um fato, mas como fortalecer a fé? Para cultivar a espiritualidade é preciso acreditar na vida, ser positivo e crer que há uma razão para os acontecimentos. Para Ricardo Monezzi, pesquisador e psicobiólogo do Instituto de Medicina Comportamental da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), é importante acreditar no próprio potencial e em dias melhores. “A fé é algo profundo, um sentimento que transcende o corpo, por isso é necessário confiar em uma força superior. É um processo individual, e cada um precisa descobrir como cultivar esse sentimento”, diz. Confira algumas dicas para aumentar a fé:
• Converse com pessoas espiritualizadas e busque conselhos.
• Conviva com o próximo, tentando sempre se colocar em seu lugar nas adversidades (seja altruísta e solidário).
•A meditação é um exercício cerebral que foca o pensamento e traz conforto e tranquilidade, além de melhorar a memória.
• Pratique técnicas de respiração: a maneira como respiramos pode afetar como pensamos e também como agimos.
• Conheça as terapias orientais que buscam estabelecer o equilíbrio da energia. Ioga é uma ótima opção.
• Concentre-se no dia de hoje. O amanhã é incerto e o passado não retorna. Pense que você só tem o dia de hoje para viver.
• Procure uma religião que combine com o que você acredita.
• Se mesmo assim tiver dificuldades, procure ajuda de um terapeuta. Com a terapia, você poderá encontrar algumas respostas e se reestruturar em momentos difíceis.


  
  

BEAUTY FAIR - ESTÉTICA & SPA 2012


SOMOS MAUS AMANTES - TOM COELHO


LAETA HAIR FASHION - A MAGIA DA BELEZA


DIA DO PSICÓLOGO


sexta-feira, 24 de agosto de 2012

ENCONTRO DE LÍDERES - 4X MAIS LIDERANÇA - ACADEMIA DO PALESTRANTE


ENCONTROS EMPRESARIAIS - COMÉRCIO EXTERIOR SEBRAE


CAFÉ EMPRESARIAL - SEBRAE 2012


TRABALHE FIRME E REALIZE MAIS...


OSSA - ORQUESTRA SINFÔNICA DE SANTO ANDRÉ


FESTIVAL DA CULTURA INDUSTRIAL EM SANTO ANDRÉ


PROTEJA SEU CONDOMÍNIO - FAÇA A ANÁLISE DE RISCOS E PLANO DE AÇÕES